VIOLÊNCIAS

Durante o desenvolvimento da pesquisa sobre lesbocídios, verificamos a sub-notificação e sub-representação dos casos de violências contra lésbicas (para além do próprio lesbocídio) e, então, decidimos criar este espaço para a notificação das violências que as lésbicas sofrem afim de identificar essas agressões e entender a condição das lésbicas no Brasil.


Se você é lésbica e sofreu alguma agressão física, psicológica, moral, sexual, patrimonial e etc, ou se você conhece alguma lésbica que tenha sofrido, registre o caso através deste formulário LINK (https://goo.gl/forms/PxXlnjSWLzwGnpCf2).

 

A identificação da vítima não é obrigatória e o registro pode ser realizado por terceiros.

 


Ressaltamos que este formulário faz parte de uma pesquisa autônoma e que não substitui e nem tem conexão com qualquer espaço institucional, governamental ou não, municipal, estadual ou federal, de registro de violências. Para realizar o registro de um boletim de ocorrência, encaminhe-se para a Delegacia mais próxima, ou para a Delegacia de Atendimento à Mulher responsável pela área
onde ocorreu a agressão.


A definição de caso que utilizamos é a usada pela Secretaria de Vigilância em Saúde, do Ministério da Saúde: Considera-se violência como o uso intencional de força física ou do poder, real ou em ameaça , contra si próprio , contra outra pessoa, ou contra um grupo ou uma comunidade que resulte ou tenha possibilidade de resultar em lesão, morte, dano psicológico, deficiência de desenvolvimento ou privação.


O Ministério da Saúde não possui um formulário específico para as lésbicas, portanto o formulário aqui utilizado é uma adaptação da Ficha de Notificação / Investigação Individual de Violência Doméstica, Sexual e/ou Outras Violências Interpessoais.


Atenção: Em casos de suspeita ou confirmação de violência contra crianças e adolescentes, a notificação deve ser obrigatória e dirigida aos Conselhos Tutelares e autoridades competentes (Delegacias de Proteção da Criança e do Adolescente e Ministério Público da localidade), de acordo com o art. 13 da Lei no 8.069/1990 – Estatuto da Criança e do Adolescente.


Para acessar o FORMULÁRIO DE REGISTRO DE VIOLÊNCIA DOMÉSTIA, SEXUAL E/OU OUTRAS VIOLÊNCIAS INTERPESSOAIS CONTRA LÉSBICAS NO BRASIL clique AQUI.

Qualquer dúvida e/ou sugestão pode ser encaminhada para o e-mail: lesbocidio@gmail.com

 

 


TELEFONES e CONTATOS ÚTEIS


Disque-Saúde
0800 61 1997


Central de Atendimento à Mulher
180


Disque-Denúncia – Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes
100


Rede Especializada de Atendimento à Mulher no Estado do Rio de Janeiro
Link: http://www.cedim.rj.gov.br/servicos.asp


Atendimento para Mulheres Vítimas de Violência em São Paulo
Link: http://www.capital.sp.gov.br/cidadao/familia-e-assistenciasocial/servicos-de-direitoshumanos/atendimento-para-mulheres-vitimas-de-violencia

© 2017 - 2018 by Projeto de pesquisa Lesbocídio - As histórias que ninguém conta

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now